Squadra Consultoria: Assessoria, Consultoria e Treinamentos

Preencher a etapa de trabalho na Lei de Incentivo a Cultura?

Passos na elaboração, aprovação, captação de recursos e Prestação de Contas na Lei de Incentivo a Cultura.
Conteúdo do post
Preencher a etapa de trabalho
preencher a etapa de trabalho

Preencher a etapa de trabalho na Lei de Incentivo a Cultura.

Olá, aqui é a Schirley, coordenadora de Projetos na Squadra Consultoria.

Hoje quero conversar com você sobre como preencher a etapa de trabalho na Lei de Incentivo a Cultura, a ser inscrito na Lei de Incentivo a Cultura.

Mas antes de iniciarmos, lembra de se inscrever em nosso canal e ativar o sininho, para receber as novidades com Exclusividade sobre como preencher a etapa de trabalho.

Ah, não esqueça de assistir nossos vídeos, onde falamos sobre a Lei de Incentivo a Cultura e a Elaboração de Projetos e etapas de como preencher a etapa de trabalho.

O que é a Lei de Incentivo à Cultura?

A Lei 8.313, de 23 de dezembro de 1991, instituiu o Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac) com o objetivo de ampliar o acesso à cultura e a produção cultural em todas as regiões; apoiar, valorizar e difundir as manifestações artísticas brasileiras; proteger nossas expressões culturais e preservar o patrimônio; além de estimular a produção cultural como geradora de renda, emprego e desenvolvimento para o país.

Mas você sabe preencher a etapa de trabalho na Lei de Incentivo a Cultura, na elaboração, aprovação, captação de recursos e Prestação de Contas de Projetos na Lei de Incentivo a Cultural?

Traga agora um pequeno resumo para você:

Como fazer a apresentação de proposta na Lei de Incentivo a Cultura?

O proponente (responsável pelo projeto) insere uma proposta cultural no Sistema de Apoio às Leis de Incentivo à Cultura (Salic), de forma eletrônica.

O que é análise de admissibilidade na Lei de Incentivo a Cultura?

O Ministério da Cidadania realiza a análise de admissibilidade da proposta a partir de critérios objetivos estabelecidos pela Lei 8.313/91 e pela Instrução Normativa em vigor.

Se admitida, a proposta se transforma em projeto e recebe autorização para captação de recursos incentivados, a partir de publicação no Diário Oficial da União (DOU).

Quem faz a análise técnica na Lei de Incentivo a Cultura?

O projeto é encaminhado à análise técnica por parecerista da área cultural do projeto.

Como é análise pela CNIC na Lei de Incentivo a Cultura?

Após emissão do parecer técnico, o projeto cultural é apreciado pela Comissão Nacional de Incentivo à Cultura (CNIC), órgão consultivo do Ministério da Cidadania, que homologa a execução do projeto.

Saiba qual é a decisão final na Lei de Incentivo Fiscal?

O ministro de Estado da Cidadania, em última instância, decide quanto à aprovação ou rejeição do projeto cultural.

Historicamente, por convenção, o Ministério acompanha a decisão do órgão consultivo.

O que é a captação de recursos na Lei de Incentivo a Cultura?

Após a aprovação do projeto, cabe ao proponente encontrar as empresas que apoiarão sua ideia.

Quando conseguir captar 20% do valor total aprovado, pode iniciar a execução da proposta conforme detalhado no projeto.

Com a proposta aprovada, o produtor vai poder captar recursos junto a apoiadores (pessoas físicas e empresas) oferecendo a eles a oportunidade de abater aquele apoio do Imposto de Renda.

O governo abre mão do imposto (renúncia fiscal) para que ele seja direcionado à realização de atividades culturais.

Como é a execução do projeto na Lei de Incentivo a Cultura?

É a realização do projeto, quando o proponente entra em contato com fornecedores, artistas e outros prestadores de serviço que irão ajudar a executar a proposta.

Também envolve a realização em si do espetáculo, show, festival, montagem e visitação de exposições, impressão de livros, etc.

O que é a prestação de contas na Lei de Incentivo a Cultura?

Após o término do projeto, o proponente precisa prestar contas de tudo o que foi realizado: como os recursos foram aplicados, como os objetivos e resultados do projeto foram alcançados, quantas pessoas foram atingidas pela proposta, qual foi a contrapartida social oferecida.

Tudo acompanhado por notas fiscais, comprovantes de transferência, panfletos, anúncios, matérias de jornal, fotos, etc.

precisa de ajuda para elaborar a comprovação da capacidade técnica operativa

Gostou deste conteúdo sobre como preencher a etapa de trabalho? Inscreva-se no nosso canal e saiba tudo sobre Elaboração de Projetos, Captação de Recursos, Leis de Incentivo, SICONV – Plataforma Mais Brasil e muito mais.

Gostou do Post?
Compartilhe agora mesmo:
Blog - Squadra Consultoria
empresas patrocinadoras

Empresas que já Investiram em Projetos de Captação de Recursos

Empresas que investiram em Projetos de Captação de Recursos de nossos clientes e alcançaram resultados extraordinários.

BAIXE O E-BOOK

*Siga no Instagram para receber o e-book no seu e-mail.

Qual o assunto você tem mais interesse?

Siga-nos no instragram para receber o e-book no seu e-mail